sábado, 17 de dezembro de 2011

Trecho da "carta "

 " ... Quero que encare essas minha palavras desajeitadas, como um conforto para todas as horas , sejam elas tristes ou alegres, e saiba que sempre que precisar as minhas palavras , que as vezes não soam sentimentais irão tentar te acalentar : - Amor eu estou aqui, não vou te deixar sozinha , você não está sozinha,  Eu Amo você, vem comigo amor! .. Enquanto eu não estiver perto, em físico, peço que guarde esse sentimento tão bonito, guarde-o pra mim, pois os meus sempre estarão guardado pra você  ... " 

Nenhum comentário:

Postar um comentário